Posts

Curta e Compartilhe nossa página.

Like and share our page.
Translated
Image may contain: 1 person

Curta e compartilhe nossa página.

Like and share our page.
Translated
No automatic alt text available.
Videos
Este é um alerta muito importante, que deveria ser transmitido em todos os veículos de informação. Mas como sabemos, nosso sistema político é facilmente despedaçado quando o assunto envolve muito dinheiro. Assistam o vídeo e vejam o mal que alimentos transgênicos fazem a nossa saúde.
2
Photos
Posts

Curta e compartilhe nossa página.

Like and share our page.
Translated
Image may contain: 4 people

Publicação de um dos nossos assinantes.

Será este o início da ditadura na internet ?

Image may contain: 1 person
TecMundo

Marco Civil da Internet: a presença de data centers em solo brasileiro poderia resultar em um controle excessivo do governo em relação à internet? http://nzn.me/a52509f

Corrupto? shared their photo.
No automatic alt text available.
Corrupto?

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

Curta ===> Corrupto?...
Curta ===> AnonymousBrasil

See More
Corrupto? shared their photo.
Image may contain: 1 person
Corrupto?

Um espanhol ameaçado de morte por criar uma lâmpada que não queima

Fonte principal: El Economista
A bateria de um celular morre em dois anos, um computador em q...uatro, a geladeira está tendo problemas em oito anos e de repente, em um belo dia, a televisão lhe diz adeus.
“Não há nada para se fazer além de comprar outra”.
É possível fazer produtos que durem mais do que isso? Quem sabe a vida toda?
Benito Muros da SOP (Sem Obsolescência Programada), diz que é possível. Por isso está ameaçado de morte.
O conceito de obsolescência programada surgiu entre 1920 e 1930 com a intenção de criar um novo modelo de mercado, que visava a fabricação de produtos com curta durabilidade de maneira premeditada obrigando os consumidores a adquirir novos produtos de forma acelerada e sem uma necessidade real.
As lâmpadas e a luta de Benito Muros respondem a um novo conceito empresarial, baseado em desenvolver produtos que não caduquem, como aquelas geladeiras Frigidaire ou máquinas de lavar Westinghouse que duravam a vida toda.
Uma filosofia empresarial mais conforme com nossos tempos, graças à comercialização de produtos que não estejam programados para ter uma vida curta, senão que respeitem o meio ambiente e que não gerem resíduos que, por vezes, acabam desembocando em containers de lixo no terceiro mundo.
Veja a entrevista onde ele fala sobre seu projeto.
Se trata de um movimento que denuncia a Obsolescência Programada. Lutamos para que as coisas durem o que tenham que durar, porém os fabricantes de produtos eletrônicos os programam para que durem um tempo determinado e obrigam os usuários a comprar outros novos. A lei permite!
O consumo de nossa sociedade está baseado em produtos com data de validade. Mudar isso suporia mudar nosso modelo de produção e optar por um sistema mais sustentável. Os fabricantes devem ser conscientes de que as crises de endividamento como a que vivemos são inevitáveis e que podemos deter o crime ecológico.
(Repórter: A lavadora de minha mãe durou 35 anos)
E agora aos seis já da problemas. Também, antes havia umas meias de náilon irrompíveis.
Deixaram de fabricar, por isso, porque duravam demais.
Más hoje, por exemplo temos uma lâmpada que está acesa a 111 anos em um parque de bombeiros de Livermore (California). Foi então que surgiu a idéia de criar, junto com outros engenheiros, uma linha de iluminação que dure toda a vida.
(Repórter: Não queima nunca?)
Nunca! Dura mais de cem anos, porém como não veremos, oferecemos uma garantia de 25 anos.
(Repórter: Não se vê isto nos grandes armazéns.)
Não, porque as distribuidoras nos dizem que vivem das que se queimam. Inclusive recebemos ofertas de milhares de dólares para tira-la do mercado.
(Repórter: E quanto custa sua lâmpada?)
Pode ser comprada online por uns 37 euros. Aos fabricantes não lhes interessa.
(Repórter: Um gênio ou um louco?)
Nem um nem outro. Somente buscamos uma sociedade mais justa. Ainda que isto signifique estar ameaçado de morte.
A lâmpada criada pela OEP Electrics responde à necessidade atual de um compromisso com o meio ambiente. Ao durar tanto tempo, não gera resíduos ao mesmo tempo em que permite uma poupança energética de até 92% e emite até 70% a menos de CO2.
Mas, ao que parece, a indústria de produtos elétricos não está muito contente com a descoberta. Benito Muros diz que está sendo ameaçado devido a seu invento e inclusive afirma ter recebido ofertas milionárias para retirar seu produto do mercado.
- “Senhor Muros, você não pode colocar seus sistemas de iluminação no mercado. Você e sua família serão aniquilados”, reza a denúncia que Muros apresentou à Polícia, que apesar do medo não se acovardou.
Para realizar sua pesquisa, Muros viajou até o parque de bombeiros de Livermore (Califórnia), lugar no qual há uma lâmpada que permanece acesa de forma ininterrupta há mais de 111 anos. Ali contatou com descendentes e conhecidos dos criadores da lâmpada, já que não existia documentação a respeito.
Com esta informação conseguiu as bases para começar sua pesquisa, cujo achado supõe um novo conceito de modelo empresarial baseado na não Obsolescência Programada.
Conheça a lâmpada neste vídeo:
Uma pequena lista das vantagens prometidas por Benito Muros e OEP Electrics:
- Gasta 92% menos eletricidade que uma lâmpada incandescente, 85% em relação às alógenas e 70% em relação às fluerescentes.
- Garante 25 anos funcionando 24 horas por dia, 365 dias por semana.
- Não se queima no caso de acender e pagar varias vezes. A empresa OEP Electrics garante 10.000 (Dez mil) comutações (acender e apagar) diárias.
- Ela acende na hora. Não precisa esperar ela esquentar.
- Não emite ultra violeta e nem ultra vermelho (Evitando problemas de pele e nos olhos)
- Não faz zumbido.
- Consegue iluminar em temperaturas de até 45 graus abaixo de zero.
- Não contém tungstênio e nem mercúrio. Não possui metais pesados que demoram para desintegrar. São recicláveis e seguem todas as normas ambientais.
- Emite 70% a menos de CO².
- Por ter mais tempo de vida, produz menos resíduos para a natureza.
- Praticamente não esquenta utilizando somente aquela energia que será necessária para iluminar, ao contrário das lâmpadas convencionais que gastam 95% da energia para produzir calor e 5% para iluminar.
- Por não esquentar e não produzir radiação evita deteriorar os materiais que estão perto.
- Evitam risco de incêndio.
- Não prejudicam o frio dentro de câmaras frigorificas.

See More
Corrupto? shared their photo.
No automatic alt text available.
Corrupto?

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

Curta ===> Corrupto?

...

Manipulação?

See More

É muito importante.

No automatic alt text available.
Rede Esgoto de televisão

PESSOAL POR FAVOR, LEIAM, REFLITAM E COMPARTILHEM! A LEI PODERÁ SER VOTADA AMANHÃ OU AINDA ESSA SEMANA! A LIBERDADE INDO EMBORA COM PALAVRINHAS BONITAS E ENGANA...DORAS!

Está em tramitação no Congresso o projeto de lei conhecido como Marco Civil da Internet. O objetivo da proposta é criar um marco regulatório para a Internet no Brasil, fazendo do Estado o principal regulador do serviço.

Aparentemente, trata-se de algo positivo. O projeto apresenta supostas garantias à liberdade de expressão e à privacidade dos usuários. Porém, quando lido com mais cuidado, apresenta pontos muito problemáticos. Um deles é a afirmação de que a disciplina do uso da Internet no Brasil tem como fundamento os direitos humanos.

Ora, a expressão "direitos humanos" é vaga e pode ser interpretada ao bel prazer pelo órgão devidamente aparelhado pelo governo ou “comissões” de políticos como a que se instalou na própria comissão de direitos humanos no ano passado. Hoje está virando moda os lobos tomarem conta dos cordeiros nas comissões e até em órgãos reguladores.

Você confia mesmo no governo e seus políticos fazendo esse trabalho? Tudo aquilo que for considerado contrário aos direitos humanos, cujo significado o próprio governo definirá, poderá ser censurado.

Outro ponto controverso é a concentração do fomento das atividades virtuais nas mãos do Estado. O projeto prevê o aumento da inclusão digital, redução das desigualdades e fomento da produção e circulação de conteúdo nacional. CONTEÚDO NACIONAL??? Outra expressão vaga, manipulada ao bel prazer! Em alguns países alinhados com a ideologia do PT isso está significando a censura à imprensa estrangeira ao mesmo tempo que o povo se informa pelos órgãos estatais ou mídias controladas pelo governo através de todo tipo de pressão. Parece que estão abrindo espaço para que existam meios de fazer o que se faz na Venezuela, na China... (cegueira ideológica, a 'única verdade' e 'libertação'' o resto é inimigo do ''nobre caminho da igualdade'')

Outro artigo bastante problemático é o 23: "O Estado deve, periodicamente, formular e fomentar estudos, bem como fixar metas, estratégias, planos e cronogramas referentes ao uso e desenvolvimento da Internet no País". Trata-se de mais uma expressão vaga que gerará precedentes para um intervencionismo e controle cada vez maior da Internet no Brasil. E se a estratégia e o plano for acabar com as redes socais livres e “fomentar” uma “nacional”, controlada pelo estado?

Há alguns dias foi divulgada a notícia de que o governo venezuelano cortou o acesso às redes sociais no país (A verdade é que foi uma parte ou alguns tipos de acesso, pois é difícil fazer isto), também foi fechada uma emissora .

Quem garante que isso não poderá ser feito também no Brasil, tendo como critério de atuação um projeto de lei como o Marco Civil da Internet? Se até a Constituição deixou de respeitada por aqueles que deveriam zelar por sua aplicação e preservação, o que dizer então de um simples projeto de lei repleto de expressões vagas, que poderão dar margem para as mais diversas interpretações jurídicas?

Por isso, envie agora um e-mail aos líderes de bancada da Câmara dos Deputados pedindo a rejeição completa do Marco Civil da Internet.

Sr. deputado,
Gostaria de pedir que, como líder de bancada, alerte os seus colegas de partido sobre o grave risco que o Marco Civil da Internet representa para a liberdade de informação no Brasil. Peço também que o projeto seja rejeitado pelo sr. e seus colegas, pois os brasileiros não querem de modo algum que a Internet seja controlada pelo Estado, ainda mais por um governo como o atual. Não é preciso lembrar que estamos em ano eleitoral e que os deputados que colaborarem com a aprovação desse projeto serão lembrados nas urnas.

Atenciosamente,
[Seu nome]

See More

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

Curta ===> Corrupto?

Image may contain: 1 person

SUS há vários anos Tirando Vidas!

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

...

Curta ===> Corrupto?

See More
No automatic alt text available.

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

Curta ===> Corrupto?

No automatic alt text available.

SUS há vários anos Tirando Vidas!

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

...

Curta ===> Corrupto?
Curta ===> Isso é Brasil

See More
No automatic alt text available.

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

Curta ===> Corrupto?

No automatic alt text available.
Corrupto? shared their photo.
No automatic alt text available.
Corrupto?

Curtam A Pagina e Ajudem a Divulgar essa Ideia!

COMPARTILHE!

Curta ===> Corrupto?