Photos
Posts

Falar em vitimismo é muito fácil, falar em mimimi também é muito fácil. Bom no meu caso é diferente, estou cansado das pessoas me confundirem com ladrão no ônibus, nas calçadas a caminho da faculdade, das pessoas estar saindo e quando me verem retornam rapidamente para dentro do portão a caminho da faculdade, dos meus colegas de faculdade mudarem rapidamente de lado ao me ver vindo ou indo para o mesmo local que ele, da policia freia bruscamente e me interrogar perguntando ao...nde vou, ou passar e reduzir aceleração do carro e me intimidar com olhares, deve ser para me proteger dos perigos né, quem sabe, confesso que as vezes é complicado.
Mas eu tento ao máximo não internalizar essas coisas que as vezes quebra todo estrutura psicológica de quem sofre, já parei para refletir e deve ser por causa da minha cara de poucos amigos, pelo fato da sociedade atual estar muito perigosa e por outros milhares de fatores. Sou totalmente contra a identificação com crachá dos estudantes em faculdade, mas confesso que atualmente adotei esse critério de defesa sinto e observo os olhares e notei que quando perecem o crachá do IFBa no pescoço se sentem aliviados....
Acontecimentos como esse só me fortifica e me motiva a ser um educador diferente e comprometido com a educação, mesmo que as vezes a situação é tão constrangedora que eu sinto o peso e isso me deixa totalmente desanimado, nervoso e principalmente com baixa estima( como o caso de uma mulher está semana que estava entrando em um daqueles apartamentos do Barbalho e não tinha notado que eu estava vindo atrás, e que quando me avistou, olhou bem na minha cara e gritou AI MEU DEUS!
E eu só falei; que bom que a senhora me acha um deus senhora e seguir em frente sem olhar para trás e sem abaixar a cabeça.

- Michel SJ

See More
Image may contain: 1 person, smiling

Minhas feições: identidade.
Transparecem uma realidade: uma sociedade opressora. Me torna incapaz de ser doutora.
Me desenham sensualmente. Utilizam meu corpo, descartando minha mente.
Me vêem como objeto: pobre, preta e mulher. Só serve mesmo para uma noite qualquer.
Acreditam que as pretas herdaram uma força sobrenatural, e as obrigam a realizar partos sem anestesia no hospital. ...
Mas, nisso os brancos tem razão.
Herdamos força, herdamos resistência. Herdamos a ousadia de negar obediência, a senhores que se acham superior. Que pisam em nossa gente, sendo extremamente opressor.
Nossa luta não acaba.
Não vão extinguir nossa raça.
Existimos e resistimos. Nosso grito será ouvido!

- Amanda Souza .

See More
Image may contain: 1 person, closeup
Posts
Ego Kevlar updated their cover photo.
No automatic alt text available.
Ego Kevlar updated their profile picture.
Image may contain: 1 person, sunglasses