Rogerio Botter Maio
is on Facebook.
To connect with Rogerio, sign up for Facebook today.
Sign UpLog In
Work
  • contra/baixistaNovember 2012 to present
  • Compositor e Produtor MusicalSão Paulo, Brazil
    Rogério Botter Maio (Baixista Acústico e elétrico, compositora arranjador e produtor)

    Depois de 33 anos de carreira, 15 dos quais fora do Brasil, cinco discos lançados independentemente, Rogério Botter Maio é um artista que vem desenvolvendo uma trajetória muito particular na cena musical brasileira desde o final dos anos 1980 no nosso país e no exterior (Argentina, EUA, Japão, Indonésia e muitos países da Europa) como contrabaixista, arranjador, produtor e compositor. Cursou música da UNICAMP, Berklee College of Music (EUA) e na Hochschule für Musik em Graz (Áustria).
    Por um ano viveu em Roma onde atuou como músico em "O Poderoso Chefão III". De 1992 a 1997 viveu em Nova York onde tocou com Paquito d'Rivera, Leny Andrade, Lionel Hampton, Manfredo Fest. Em 2004 tocou com seu grupo no Indonesia Open Jazz. Atuou com Jovino Santos Neto, Duo Fel, Danilo Caymmi, Orquestra Popular de Câmara, Jane Duboc, Soundscape Big Band, Ná Ozzetti e com Dom Salvador (Chivas Jazz 2003). Sua vasta discografia inclui gravações com Gerry Mulligan & Jane Duboc (CD Paraiso), com Naná Vasconcelos (CD Fragmentos), o CD "Transition" (com Dom Salvador e Duduka da Fonseca), com Nelson Ayres, Jovino Santos Neto, Carlos Careqa entre outros. Como líder, compositor, produtor e arranjador lança os CDs “Crescendo” (1996 EUA), “Aprendiz” (2000), "Prazer da Espera” (2006), "Tudo por um ocaso" (2008 - Barcelona) e “Sobre o Silêncio” em 2012 (pré-selecionado para o Prêmio da Música Brasileira 2013). Com o mesmo trio, tocou no festivais internacionais de Jazz de Buenos Aires (2014) e de La Plata (2013) e em 2013 no 23º Festival de Inverno de Garanhuns. Tocou no Adylson Godoy trio em 2011 com Jair Rodrigues a re-edição do Fino da Bossa no SESC Bauru-SP.
  • Chief executive officer
Education
Current City and Hometown
About Rogerio
  • Citações sobre a obra de Rogério Botter Maio
    "Rogério Botter Maio prova que a música instrumental brasileira pode andar afastada da mídia, mas segue decidida, sem dever nada em criatividade às melhores do mundo". Carlos Calado, jornalista e critico musical
    O que sempre me fascinou na música são as inúmeras possibilidades de se tocar a mesma frase com visões diferentes. A grande busca do artista é a sua personalidade musical e quando ele a encontra, sua vida e sua musica se iluminam. Rogério, quem ouvir a sua musica nunca mais se esquecerá porque é um som com assinatura definitiva, Parabéns a todos os artistas que gravaram contigo este maravilhoso cd! Um abraço em toda extensão do teclado! (Primavera 2009). Gilson Peranzzetta – pianista e arranjador
    Bonito o novo trabalho do Rogerio Botter Maio. E a palavra bonito - não é para mim gratuita. É bonito o encontro das sonoridades. Da busca pela canção na música instrumental brasileira. E é bonita a busca e o caminho. Benjamin Taubkin - pianista, produtor e compositor
    Anos atrás ouvindo Rogério, me impressionou sua desenvoltura, técnica apurada e musicalidade, com seu contrabaixo trabalhando para a música e dando sentido e forma às composições. Nesse novo trabalho mostra seu lado compositor em um trabalho maduro e primoroso que revela o surgimento de um estilo, em constante crescimento. Parabéns por esse belo e sensível cd e por sua bela e muito musical caminhada! Zeca Assumpção (contrabaixista)
    ...” Rogério fez um belo disco a começar pelo título. Humildade não ocupa espaço... Valsas, baiões, maracatus em sete, etc. Esse é o Brasil de Rogério. Sugestivo, moderno, rico.” Guinga, compositor
    "Rogério Botter Maio é sinônimo de músico, compositor e pesquisador. Um dos poucos da nova geração que não se deixa influenciar pelo som repetitivo de hoje. Músico criativo, à procura de nova direção. Pela nossa convivência musical e várias conversas que tivemos, noto que é um músico consciente e incansável. Enfim, uma dessas raridades que Deus nos deu. Brevemente o mundo musical iráseinteirardesseincrível'aprendiz'". DomSalvador,pianistaecompositor
    "...com muito a ensinar em termos de concepção musical".
    Jornal do Brasil Tárik de Souza jornalista e critico musical
    "Suas composições demonstram grande personalidade com influências do jazz, bossa nova e do Clube da Esquina. São refinadas, bemconstruidas e transmitem as cores e a emoção de ser brasileiro, apesar da sua bagagem ser fortemente jazzística. Parabenizo este trabalho de alto nível musical, num momento em que esta geração está mais preocupada em mostrar virtuosidade instrumental e produzir sons comprometidos pelo mercado fonográfico no mundo inteiro. Rogério simplesmente dá um drible musical, provando que ainda é possível se criar música de qualidade universal com novos ares de criatividade". Toninho Horta, guitarrista e compositor
    "Elegância é o que não falta a este músico. Tudo que ele faz é na medida certa. Compõe as mais intrincadas melodias que percorrem caminhos inteligentes e carinhosos pois é assim que ele trata a música, com carinho. E isso é raro. Amigo de vida pra sempre, amigo eterno da música." Jane Duboc, cantora e compositora
    "...sua música reflete sua maturidade cristalizada em longa experiência no exterior."
    O Globo 05.jan.2001 José Domingos Rafaelli, jornalista e critico
Favorite Quotes
  • No favorite quotes to show

Favorites